Publicado em 27.11.2018 - Notícias - Sem comentários

DSCN3900 DSCN3901

A 21ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA), realizada em 18 de maio de 2018,  revelou um significativo desempenho dos estudantes do Colégio Exponencial. Três alunos receberam medalha de ouro, um de prata e quatro de bronze. Esta prova ocorre anualmente, é aberta para participação de escolas públicas ou privadas, urbanas ou rurais.

Todos os alunos receberam certificados de participação, os estudantes que tiraram nota superior a 8,0 conquistaram medalhas (abaixo segue quadro de medalha). No Exponencial, 28 alunos , de 6º a 9º anos, tiraram nota na média ou acima dela.

Os alunos que tiraram nota acima de 8,0 foram convidados pelo Serviço de Altas Habilidades/Superdotação do Centro Associativo de Atividades Psicofísicas Patrick (CAPP) para participar de uma Oficina de Astronomia.

A organização da OBA no Exponencial foi realizada pela professora de Ciências, Alanza Mara Zanini,  “participar destes eventos é muito relevante à vida escolar dos estudantes, pois auxiliam na preparação para provas mais complexas e agregam ao conhecimento científico”, enfatiza a professora.

A OBA busca difundir o conhecimento astronômico pela sociedade brasileira, fomentar o interesse dos jovens pela Astronomia e pela Astronáutica e ciências afins. A Olímpiada ocorre dentro da própria escola, tem uma única fase e é realizada dentro de um só ano letivo. A participação dos alunos é voluntária.

 

Quadro de Medalhas

Medalha de Ouro

Sofia Arribas Pereira  – nota final 10 (8º ano)

Diogo Back Sartoretto – nota final 9,3 (9º ano)

Juliana Arribas Pereira – nota final 9,2 (7º ano)

 

Medalha de Prata

Maria Cecília Cassol Vilas boas – nota 8,4 (8º ano)

 

Medalha de Bronze

Pedro Denardin Pitthan – nota 8,3 (8º ano)

Letícia Surdi da Sul – nota 8,3  (9º ano)

Luiz Henrique Frandoloso – nota 8,2 (7º ano)

Pedro Paza Cunha – nota 8,1 (7º ano)